domingo, 25 de janeiro de 2009

Pra gente

Ilustração: Dinho

Disseram que roda gigante sara qualquer dor e, por isso, te convidei. Disseram que um cachorro colocaria de novo um sorriso na gente e, por isso, você me deu um Golden de presente. Disseram também que um casamento no interior reuniria as mãos e, por isso, comprei um vestido novo. Disseram que uma série de TV colocaria sua cabeça no meu colo novamente, por isso, você trouxe “Law & Order” para depois da novela. Disseram que uma sexta-feira com amigos traria de volta as gargalhadas no carro, por isso, te puxei pela mão. Disseram que varrer a cozinha tira a sujeira do meio da gente, por isso, você fez isso durante sete dias.

Mentiram pra gente na maior cara-de-pau.

Isso tudo que buscávamos só a gente sozinho na gente podia dar. Só a gente descobrindo na gente que é um pelo outro que brilham os olhos. Só a gente ouvindo da gente que é um pelo outro que somos alguém melhor. Só a gente gritando pra gente que é um pelo outro que enfrentamos o mundo. Só a gente mostrando pra gente que é um pelo outro que brigamos com a gente mesmo.

Só a gente sozinho na gente fez com que nos lembrássemos do amor. E nos abraçamos em silêncio porque “as palavras de boca é que nem tentavam sair, tornavam ao coração caladas como vinham” (Machado de Assis em Dom Casmurro)

3 comentários:

Georgia disse...

amiga, caramba, que lindo, lindo, lindo.
fico cada dia mais impressionada com a sua capacidade de escolher sempre a palavra certa para expressas os seus, os nossos.
te amo

Dinho disse...

Muito bom o texto de Machado de Assis, e muito boa também sua pinçada precisa em Dom Casmurro.

Gostei do que vi em seu site, não casualmente sou o autor do yin yang que ilustra o texto. Pois fique à vontade sim e obrigado por postar meu trabalho acompanhado de imenso bom gosto.

Grande abraço!

Dinho

Joana disse...

Oi Dinho,

Obrigada pelo cometário carinhoso. Perdoe-me pela falta de crédito, mas o google nao havia informado a autoria do desenho: lindo por sinal!

Passe aqui mais vezes e deixe um endereço para conferirmos mais do seu trabalho e quem sabe, utilizá-lo em futuros posts, mas dessa vez, devidamente creditado.

Um beijo