quarta-feira, 7 de novembro de 2007

Convite


Ele é morena, cabelos enrolados, olhos escuros, tanto, que lembram bolas-de-gude e, se tivessem sabor, seriam de jabuticabas. Virginiana como eu, ela tem a sensibilidade à flor da pele. No início, achava que ela sabia disfarçar sensações e sentimentos, tão diferente de mim, apesar da mesma influência no zodíaco. Mas ao longo do tempo, descobri que não sabe disfarçar nada. Ela revela no olhar, nas respostas, nos abraços as alegrias e tristezas, as raivas e doçuras, a bondade e a irritação.
Ela tem o canto dela. E que respeitem isso e saibam chegar, minha gente. Parece que carrega no colo, no sorriso, no andar danças e poesias! Carrega também a insegurança das grandes mulheres. Porque sim, grandes mulheres também são inseguras, mas sabem lidar com isso, trabalhar isso, mesmo que seja chorando, escrevendo, gritando, dançando, fechando a cara...
Ultimamente, ela anda bem bossa nova. Com aquela melancoliazinha disfarçada pela melodia gostosa. Por isso e por outros tantos motivos, as Meninas de Lá gostariam de convidá-la a escrever aqui, com a gente, quando tiver vontade. Botar pra fora o que tem dentro, ou não! Ou usar o espaço pra escrever engraçadices, ou besteiras, ou poesias ou conselhos. Enfim, fazer do nosso cantinho, dela também.
Geó, divide a sua poesia com a gente?

Um comentário:

Georgia disse...

buaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa
estou emocionada!!!
amo vcs meninas!!! que presente ter vcs ao meu lado!!!
juro que escrevo! aguardem!!